• Univali

  • Seja você também um profissional da construção naval!

  • Curta nossa FanPage

  • Equipe Ubá Suy Aram

    Desafio Solar Brasil

  • ANI

  • Livro de Regras ABS

    ABS - 2008
  • Principais Estaleiros no Mundo

  • Programação de Navios

    Programação de Navios

Anatomia de um Navio Porta Contêiner

Por Erik Azevedo

Estrutura geral, arranjos e equipamentos

1. Superestrutura/Acomodações,
2. Convés principal/convés de carga,
3. Mastro de vante,
4. Castelo de proa,
5. Sistema de refrigeração de contêineres nos porões,
6. Dutos de refrigeração de contêineres,
7. Casco duplo,
8. Passarela interna,

Retalhando o navio

Os gêmeos “Selandia” e “Jutlandia”, para 3 mil TEUS, com 34,180 dwt, 3 hélices com 3 MCP’s  B & W atingindo 75.000 bhp operando à uma velocidade de serviço de 28 nós, na época (1972) eram os mais rápidos navios mercantes em atividade, porem bebiam como um Cadillac.

1 . Bulbo
2 . Peak tanque de vante
3 . Ferro
4 . Bow thruster
5 . Bosun’s store/Paiol do Mestre
6 . Passarela sob o convés
7 . Porão No1
8 . Porão No2
9 . Porão No3
10 .Porão No4
11 .Porão No5
12.Porão No6
13 .Porão No7
14 .Porão No8
15 . Praça de máquinas
16 . Estabilizador retrátil
17 . Quilha do bilge
18 . Máquina do Leme
19 . Convés de popa (em Sunken deck)
20. Leme
21 . Hélice central
22 . Hélice de lateral (BB/BE)
23 . Pé de carneiro
24. Tanques de lastro laterais
25. Tanques de lastro verticais
26.Molinete
27. Mastro
28. Gávea
29 . Guinchos de amarração
30 . Tampas (dos porões)

31 . Ventiladores dos porões
32 . Guias das células (guias para os contêineres)
33 . Dobradiça (Flip- flop)
34 . Container support
35 . Passadiço
36 . Balsas
37 . Direction finder antenna
38 . Antenas dos Radares
39 . Signal yard
40 . Radar mast
41 .Luz do canal de Suez
42 . Chaminé
43 . Antenna pole
44 . Baleira
45 . Guindaste
46 . 20′ container
47 . 40′ container
48 . Gerador à Diesel
49 . MCP Central- Motor Principal de centro
50 . MCP de BE
51 . Escada de portaló
52. Trans. BHD
53 . Long. BHD
54 . Fore BHD in Eng. room
55 . Transom stern

Abrindo o “Nedlloyd Europa”

 Container ship: general structure, equipment and arrangement shipbuilding picture dictionary Open%20container%20ship%20 %20Nediioyd%20Europa

Como modelo fui usado o “Nedlloyd Europa”

Capacidade:  3.604 TEU

Bandeira: Holanda

Tonelagem: 50.620

1. Leme
2. Hélice
3. Espelho de popa
4. Praça para Contêineres com 40′  (FEU)
5. Praça para Contêineres com 20′  (TEU)
6. Escada de Porta ló
7. Porta de embarque de Prático ou bunker
8. Trilhos guia para Container
9. Row no 11
10. Row no 04
11. Tier no 08
12. Tanques de lastro da asa (Wing tank water ballast)
13. Passarela coberta
14. Barreiras fixas
15. Barreiras móveis (Movable stack)
16. Bay no 15
17. Bay no 06
18. Tier no 86
19. Células, porões 1 e 2, para conteires com carga inflamável (explosivos)
20. Apoios de contêineres
21. Quebra onda
22. Bulbo

Nedlloyd Europa

Dimensões principais

IMO no    8915691
Name    Nedlloyd Europa
Gross Tonnage    48508
Net Tonnage    19254
Deadwt Tonnage    50620
Year when Built    1991
Engine    41.615 hp Sulzer
Ship Builder    Mitsubishi H.I.Nagasaki Japan
Speed    23.5 knots
Yard Number    1184
Dimensions    266.30 – 32.24 – 23.25
Depth    12.50
Vessel Type    Container Ship
Call Sign    PGDF
Containers    3.604 teu

Numerando os contêineres

bays
rows
tiers

Convés celular e sistema de guia

1.(contêiner) célula,
2.Guia removível (movable track guide),
3.Cantoneira de empilhamento,
4. braçadeiras,

Sistemas para peação

Peação de convés

1. Castanha ou cone de fixação.

2. Fueiro ou plugue circular
5. Soquete, placa base (para ser usada com o 21)
15. U-frame, (base em U … podendo ser usada com os N° 13,17)
22,24. Chaves de inserir, 3 tipos (sunken, flush, raised),

Peação de porões

1. Pino de fundo, base cone ou castanha,  (… para ser usado com o n° 2)
21. bottom stacking cone (… to be used with 5,12,22,23).
23. guide cone,

Sistemas de empilhamento de containers e travamento

4. Cone para empilhamento, Cone de empilhamento intermediário
11. Cone de travamento, pino de travamento (with locking pin),
14,16,17. Cone de torção e travamento (twistlock)
20. Espaçador, Cone de compensação, spacer fitting (with cone top and bottom),
8,19,25. bridge fittings (travas reguláveis/braçadeiras)
8.  Trava ajustável – braçadeiras (adjustable bridge fitting)
19. Braçadeira compensadora(compensatory bridge fitting), Braçadeira de altura ajustável,
25. Duplo empilhador (non-adjustable bruise fitting).

Terminais de amarração (Lashing points)

6. D-ring, olhal de amarração (peação)

Equipamento de Peação

7,9 Esticadores, correntes, esticadores ajustáveis (loadbinders)
7. Correntes para peação com macaco esticador, ou tensionador
9. Sistema usando cabos de arame, com tensionador tipo parafuso and (turnbuckle)
18. Travamento por antepara (bulkhead bridge fitting)

Outros equipamentos para peação

10. Barra de segurança, conector (penguin hook, elephant’s foot, eye hook)

 
 

Descrição padrão de um container

Extremidades frontal e extremidade traseira

Travessa de topo (ou cross rail)
Parede frontal
Painéislaterais
Painel de teto
Cabeceira da porta
Porta
Dobradiça
Guida da barra de travamento
Guia da cunha
Cunha
Nivelador do sistema de fechamento
Borracha da porta
Barra de fundo
Furos para fixação dos cones de travamento
Entradas para garfos de empilhadeiras
Barras de reforço de fundo
Piso
Trilhos de fundo laterais
Vigas de fundo (bottom front cross)
Poste de fundo
Trilho de topo lateral

Contêineres térmicos

 
Contêiner tipo insulável
Alguns navios (mais antigos), ainda possuem equipamento para acoplamento de containers termicos, com sistema de insulação de ar frio, no próprio navio há maquinas para fornecer ar refrigerado para este tipo de container.


1.Entrada para ar frio,
2.Saída do ar,
3. Acoplamento,
4. Câmara de troca,
5. gradeamento do piso,
6. Porta,

Mantendo a temperatura num container insulado

A.  Sistema de dutos de refrigeração
1a.Duto de suprimento de ar
2b.Duto de retorno do ar  (to draw off violated air),

Containers com máquina refrigeradora ou reefer containers

Com sistema de tomada para fornecimento de energia, para máquina refrigeradora do próprio container reefer
1. Evaporador
2. Compartimento da maquina
3. goods, cargo,
4. Ventiladores
5. Condensador de ar frio
6. Condensador de água gelada
7. Compressor

Visão interna de uma unidade de ar refrigerado- Visão do lado de acoplamento

1. Duto de ventilação (cold air duct, refrigeration duct/trunk),
2.  Acoplamento do sistema (pneumatic coupling, bellows piece)
3. rails (balaustres),
4.Passarelas transversais
5. container tipo insulado,
6. Braçola dos porões,
7. Convés principal,
8. Passarela interna, ou túnel dentro do casco duplo.
9. Unidade de ventilação (air supply),
10. Ar condicionado (equipamento, máquina) (cooler box, caisson; air cooler),
11. Base da unidade geradora de ar, coletor de agua, (shut-off valves, temperature recorder, temperature regulator, brine pipe lead-in and lead-out drain plate) (removal of defrosting water),

Peando carretas e containers sobre pranchas nos porões

1. twistlock – Travamento cunha (for trailer chassis),
2. chain lashing - Correntes,
3. chain hook-up unit, chain tensioner  – Tensionadores,
4. Ponto de peação- lash weldment, flush star fitting (receives chain terminated by elephant’s foot),
5. Apoios - trailer support jack, trailer spindle support (with ratchet), jack stand,
6. Calços -  wheel chocks,
7. Tensionadores pneumáticos e correntes -lashing chain with pneumatic tensioner (operable by impact wrench or drive pneumatic wrench),
8. Suportes da carreta – support trestle, trailer horse,
9. Domos tipo estrela - star dome,
10.Tensores- turnbuckle, bottlescrew, straining screw,

 

Movimentação de containers no porto

Portainer – ou guindaste pórtico -  container handling crane or portainer crane
traveiift – Transteiner, ou transportador de containers sob pneus.
side-loader – Empilhadera lateral (para vagões)
skeleton flat car – vagões porta-container
traveiift – Pórtico sob trilhos, empilhador

Equipamentos de costado – Quayside equipment


road chassis – carretas porta-container
straddle carrier -Transportador de containers, e empilhador
lift truck with top spreader – Empilhadeira com spreader (ajustável de acordo com o tamanho do container ISO – 20′ ou 40′)

 

http://www.blogmercante.com 

About these ads

Uma resposta

  1. COMO É COMPLEXO, PRECISA DE MUITA ENGENHARIA PRA FAZER FLUTUAR.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: