• Univali

  • Seja você também um profissional da construção naval!

  • Curta nossa FanPage

  • Equipe Ubá Suy Aram

    Desafio Solar Brasil

  • ANI

  • Livro de Regras ABS

    ABS - 2008
  • Principais Estaleiros no Mundo

  • Programação de Navios

    Programação de Navios
  • Arquivos

Polo Naval do Amazonas se põe a frente do Chile e Argentina

Uma embarcação de luxo produzida no Polo Industrial de Manaus sai 40% mais barata que a mesma fabricada na Itália. Este desconto acontece por conta das tarifas de importação, não cobradas por produtos construídos em território brasileiro. Com isso, o amazonense pode usufruir de um artigo majestoso, pagando menos.

Para construir uma embarcação de luxo, fabricado pela Crunch – empresa italiana -, é necessário mão de obra local especializada. Segundo o Consultor Comercial Franco Neto, isso não é um problema.

“A Amazônia detém um conhecimento grande e antigo, secular. Por isso, não vai ser difícil essa comunhão com as novas tecnologias. Creio que, em poucos anos, o Brasil será líder no segmento no mundo”, acredita. Prova disso é a fabricação do Smeraldo 40, um barco de alto luxo, com padrão europeu, no Polo Industrial de Manaus (PIM).

Os funcionários da produção trabalham com um sistema parecido o do Polo de Duas Rodas, por conta do procedimento diferenciado de montagem. Para construir uma embarcação, é preciso misturar gel, resina e fibra de vidro dentro de uma forma para moldar o barco. Somente após este processo pode ser montadas as peças e os acessórios.

O Polo Naval registra um ritmo crescente no Amazonas, devido aos incentivos fiscais da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). O aquecimento do setor deve-se a dois fatores correlatos: o desenvolvimento da região e a proximidade da Copa do Mundo de 2014, quando Manaus será subsede. Hoje, a indústria náutica conta com 400 estaleiros no Amazonas, um número maior que de todo o segmento no Chile e na Argentina, por exemplo.

 Ecologicamente correto

O Smeraldo 40, já produzido no Polo Industrial de Manaus, é uma embarcação com banheiro, dois quartos com cama, armários com cabideiro e ar condicionado central. A cozinha tem geladeira, fogão e até forno de microondas. Este espaço é totalmente equipado, inclusive com móveis laqueados italianos de última linha, uma grande cuba de aço inox, uma mesa giratória e um sofá para cinco pessoas.

A embarcação conta com vários acessórios e equipamentos de luxo. Um exemplo é o painel de controle. Ele comanda o gerador de 4 kba, que supre a embarcação de energia elétrica, a ser usada no ar condicionado, água quente, forno de microondas ou geladeira.

 “O barco foi projetado para sofrer um grande ataque de água salgada e é muito resistente às agressões naturais que ele possa sofrer. Toda a parte elétrica do barco está superdimensionada para a nossa região, no caso com água doce”, assinalou o consultor.

A embarcação é bela e luxuosa, assim como ecologicamente correta. O barco é equipado com cano de esgoto, um tanque com capacidade para até 250 litros. Após um dia de uso, o proprietário coloca um produto biodegradante dentro do tanque, o que torna o esgoto tratado. Dessa maneira, pode devolver ao rio 72 horas depois, sem agredir ao meio ambiente.

Com as informações – Amazônia.com

Fontes: Portal Marítimo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: